O seu email foi registado. Obrigado.

Notícias
Arte
Um dos nossos touros em bronze encontrou a sua nova casa na Alemanha!

Um dos nossos touros em bronze encontrou a sua nova casa na Alemanha!

Um dos nossos Touros em bronze encontrou a sua nova casa na Alemanha. Nunca são produzidas mais do que sete esculturas deste tipo, sendo assim cada peça considerada original.
Criar uma escultura em bronze é um processo bastante complexo, não sendo possível realizá-lo no nosso atelier. A escultura original é criada, sendo feito depois um molde em silicone a partir da mesma. Este molde é então enviado para Bilbao, no norte de Espanha, onde especialistas criam um modelo em cera. São incluídos canais de entrada de ar neste modelo pelos quais é aplicada uma camada de pó de cerâmica no seu interior, pó esse que também é aplicado no exterior.
Após a sua secagem, a escultura é colocada numa fornalha onde a cera derrete, deixando apenas o exoesqueleto em cerâmica. O passo seguinte consiste no derretimento do bronze, sendo o exoesqueleto aquecido em simultâneo. A cerâmica necessita estar completamente seca, porque se existir alguma humidade, esta pode explodir ao entrar em contacto com o bronze quente.
Assim que o bronze tenha sido vertido e a escultura arrefecida, o invúlucro em cerâmica é quebrado. Outro especialista inicia então o seu trabalho, removendo os canais utilizados para o fabrico do invólucro em cerâmica, polindo e cinzelando a escultura.
Após todas estas etapas, o artista responsável é envolvido novamente no processo, visto que afinação da pátina desejada é um passo bastante importante da elaboração da obra de arte. A pátina define a cor final da escultura, etapa que requer uma enorme delicadeza.

Contacte-nos agora!